fbpx
Voltar

Notícias

Acompanhe nosso blog
1810

Oportunidade comercial em Campinas

Postado por: Grupo S2 - Lucimara

Oportunidade comercial em Campinas

O empreendimento imobiliário Bela Aliança Bairro & Parque surge como uma nova oportunidade para criação de novo ponto comercial em Campinas para empresários e empreendedores que estão de olho na expansão dos seus negócios.

Esse lançamento em Campinas disponibiliza lotes comerciais em um bairro em ascensão na cidade, perto do Shopping Parque das Bandeirantes e situado em uma avenida que dá acesso a diversas regiões e rodovias.

Bela Aliança: lotes atrativos para ponto comercial

O Bela Aliança Bairro & Parque é um loteamento em Campinas planejado para ser um complexo recreativo e de lazer, com grande atenção para o setor da segurança, que já conta com infraestrutura completa ao seu redor.

O empreendimento disponibiliza lotes residenciais e comerciais, no número 4.700 da avenida John Boyd Dunlop, praticamente ao lado do Shopping Parque das Bandeiras.

O bairro totalmente novo que será criado em Campinas com o loteamento Bela Aliança fica próximo a duas rodovias (Bandeirantes e Anhanguera), o que favorece o acesso a diversas regiões da cidade e também outros municípios da região.

Só na avenida John Dunlop circulam 40 mil veículos por dia, o que representa a passagem de 1.700 veículo por hora. Só com esse dado já dá para vislumbrar o potencial de um ponto comercial no local.

Esses lotes vão acrescentar mais 7.000 moradores e consumidores em uma região onde já existem 425 mil pessoas, número que é próximo a 40% da população de Campinas.

Para as famílias que sonham com a casa própria ou mesmo querem essa opção para construção de casas para alugar em Campinas, esses terrenos em Campinas terão a partir de 250m2, já para os lotes comerciais as áreas têm a partir de 1.000m2, que servem para a construção de salas comerciais de vários tipos de negócios.

Vantagens de morar no Bela Aliança: infraestrutura, segurança e lazer

O bairro, que irá transformar a paisagem local, já conta com 3 estações do BRT (Bus Rapid Transit) ou Rapidão Campinas, com trechos já liberados; hospital, UPA, Centro Educacional Infantil, faculdades e diversos serviços.

Para quem ainda precisa de mais motivos para investir no local, saiba que o empreendimento terá Posto de Guarda dentro de sua área, com câmeras de monitoramento ligadas à Secretaria de Segurança do município, onde também ficarão parques recreativo e ambiental.

Entre alguns dos atrativos, o bairro Bela Aliança vai contar com:

Praças;

Pista para caminhada;

Espaços kids ecológico;

Áreas para jogos;

Quadras de areia;

Campo de futebol gramado;

Academia ao ar livre;

Feira comunitária;

Jardim sensorial;

Horta e pomar;

Auditório verde;

Bosque.

Setores que poderão ganhar grande demanda no Bela Aliança

Os estudos realizados para a criação do Bela Aliança apontam que já existe uma população inteira pronta para utilizar serviços e ofertas do comércio varejista, além das outras 7.000 pessoas previstas para chegada no novo bairro.

Por isso, grandes redes estão fazendo um movimento de migração da região central e expandindo seus pontos comerciais para essa área em ascensão em Campinas.

Algumas pesquisas apontam também alguns setores que já estão carentes de ofertas e poderão ser amplamente beneficiados com o lançamento do empreendimento:

Setores de beleza e higiene vem crescendo em torno de 10% ao ano;

Donos de pets, que representam 40% do total da população da região, aguardam mais serviços de banho e tosa;

Moradores optam cada vez mais por comer fora, o que aumenta a procura por bares e restaurantes;

Setores de consumo diário como padarias, quitandas, mercearias, açougues e hipermercados estão em grande demanda;

Há procura por mais instituições financeiras e bancos na região.

 

Economia em alta favorece as expansões de pontos comerciais

Dados da  Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), demonstra que houve um crescimento de 1% de junho para julho no comércio varejista, com atividades com alta nas vendas, esse é o terceiro resultado positivo seguido do setor.

Dentro desse estudo, alguns setores estão em crescimento, como:

  • Supermercados, alimentos, bebidas e fumo (1,3%)
  • Artigos de uso pessoal e doméstico (2,2%)
  • Móveis e eletrodomésticos (1,6%)
  • Tecidos, vestuários e calçados (1,3%)
  • Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, perfumaria e cosméticos (0,7%)
  • Combustíveis e lubrificantes (0,5%)
  • Livros, jornais, revistas e papelarias (1,8%)

Já no varejo ampliado, o setor de material de construção também registrou uma alta de 1,1% no mesmo período de junho a julho deste ano. 

Esses dados, associados ao PIB divulgado para o segundo semestre, que apontou crescimento nos setores de varejo e construção civil, demonstra que o momento é propício para expansão dos negócios.

Com esses resultados, muitos analistas do setor reforçam que podem ocorrer melhorias ainda mais consistentes nesses setores nos próximos trimestres.

Para quem está pensando em investir no Bela Aliança Bairro & Parque para crescimento comercial da empresa pode aproveitar essa onda certa para surfar no bom momento da economia.

 

 

Artigos relacionados

16 / 09
Loteamento em Campinas saiba tudo sobre o Jardim Aurelia

Loteamento em Campinas: saiba tudo sobre o Bela Aliança

Se você está procurando um lugar loteamento em Campinas para viver com sua família com tranquilidade ou apenas comprar terreno em Campinas para investir, que seja pertinho de tudo, não…

Ver matéria completa
24 / 02

Saiba mais sobre o ladrilho hidráulico

Conheça esse revestimento que vem sendo cada vez mais utilizado. Ladrilho hidráulico é um tipo de revestimento artesanal feito à base de cimento, usado em pisos e paredes. Começou a…

Ver matéria completa
23 / 09

Casas para alugar em Campinas: 5 motivos para morar na região do Campo Grande

Se você está procurando casas para alugar em Campinas, uma boa opção de localização é a região do Campo Grande. Agora, além dos atrativos que já fazem parte do distrito,…

Ver matéria completa
Voltar ao Topo